11 5051-4084 | comercial@profashional.com

Moda

Moda - Revista Profashional

BLACK IS THE NEW BLACK


AFRO FASHION DAY TRAZ REPRESENTATIVIDADE E EMPODERAMENTO SOCIAL E CULTURAL PARA AS PASSARELAS - por Ana Carolina Contri

Chambray - Revista Profashional

Criado em 2015 pelo Jornal Correio da Bahia para celebrar o Dia da Consciência Negra e com o conceito de exaltar a beleza negra e todo poder que ela emana, o Afro Fashion Day (AFD), evento que acontece em Salvador (BA), reconstrói com orgulho a história, criatividade e alma do povo baiano por meio do grito pela liberdade e diversidade, principalmente no universo da moda. O projeto, em sua estreia, colocou, em sua passarela, 26 marcas baianas de roupas e acessórios. Os looks assinados pelo produtor de moda Fagner Bispo, com beleza de Dino Neto e equipe, foram desfilados por 36 modelos negros e seis convidados: os cantores Denny, Magary Lord, Ninha, Tony Salles e Lincoln Sena e o agitador cultural Uran Rodrigues.
Em sua segunda edição em 2016, com passarela montada na Praça da Cruz Caída, Centro Histórico de Salvador, teve como tema “O Grito das Ruas”, reunindo 46 marcas e 74 modelos e convidados. “O evento chama atenção para um tema importante e ajuda a fixar essa data”, declara Roberto Gazzi, diretor executivo do periódico. Ele lembra que
um dos principais legados de um evento nos moldes do Afro é a transformação das pessoas envolvidas. “Ele muda a vida dos criadores, de quem trabalha nele, dos modelos e também dos espectadores. É um movimento de presença do jornal, mostrando que ele está preocupado com o desenvolvimento das pessoas”, pontua. A terceira edição foi ainda maior, com uma programação que foi além da passarela, ocupando os três pisos do Porto Salvador Eventos, no bairro do Comércio, com uma exposição fotográfica, loja coletiva com grifes do Afro, palestras e bate-papos sobre moda, beleza, gastronomia e empreendedorismo, artistas e músicos.

Força cultural e social

De acordo com Gabriela Cruz, responsável pela curadoria das marcas que participam do AFD desde a primeira edição, o evento empodera todos os envolvidos, valoriza a criatividade dos criadores. “Temos de marcas de roupas a bijuterias e até turbanteiras – e também os modelos, a maioria sem experiência de passarela. Estes são os principais personagens deste momento, que caminha para sua quarta edição.
A top Ana Flavia, de 20 anos, foi a primeira negra a vencer o Supermodel of The Word em 24 anos de concurso e o Afro 2016, meses antes dessa conquista, foi sua primeira
passarela”, conta.
Atraindo cerca de 3.500 pessoas em cada uma de suas edições, o evento tem ajudado a mudar o mercado para os modelos negros, valorizando a beleza do povo baiano e a produção de moda local. “Salvador está definitivamente na rota das grandes agências. Além de Ana Flávia, hoje temos, no mercado, nomes, como os de Bárbara Valente, dos irmãos gêmeos Juan e Raul Santos, das gêmeas Suzana e Suzane Massena, Lenny, Liza, Diara Rosa, Mariana Santana, todos com carreira internacional”, lembra.
Movimentos como este mostram a força da representatividade negra no mercado e que
juntos somos uma voz ainda mais forte. Parafraseando o discurso tema do próprio evento: “Na vitrine das ruas. No canto das esquinas.
Nas notas musicais, no clamor pela igualdade, no grito pela justiça. No triste ontem. Na crença de hoje. Na luta pelo amanhã. Na maquiagem viva, na estampa do turbante, no sorriso brilhante, no movimento do ser. No jeito de olhar, na forma de enxergar. Na vontade de aceitar, no prazer em oferecer. Na arte de imaginar, na raça de agir.
Nos passos curtos. Na caminhada larga. No retrato da conquista, no alvorecer da vitória. No berro que comemora. Na lembrança que não esquece. Na voz afinada, na canção
embalada. Na pegada que movimenta, no ritmo que pulsa, na expressão que liberta.
No brilho do pensar, na inteligência de criar, no gesto de agradecer. No semblante que
transmite, na euforia que comove, na pele que reluz. No orgulho, na cultura, na história, na alma. Na consciência”. “Na luta pelo amanhã. Na maquiagem viva, na estampa do turbante, no sorriso brilhante, no movimento do ser”

FOTOS: DIVULGAÇÃO AFRO FASHION DAY